R$ 35,00

Título: com dedos e lábios roxos
Autor: Laís Chaffe

Título: onde o vento aumenta a sombra
Autor: Roberto Schmitt-Prym

Dos títulos em um volume

Formato: 12 x 18 cm.
Páginas: 112
Gênero: Poesia / Haicais
Publicação: Class, 2018

GPS
Se o haicai é essa experiência do aqui e agora, talvez o agora tenha sido mais enfatizado do que o aqui quando se fala desse tipo de poesia. De fato, captar o instante parece ser a expressão mais usada para se definir a essência da prática do haicai. Mas todo o agora, tempo, está num aqui, espaço. O verso de uma das bonitas canções de Gilberto Gil diz bem isso: cada tempo em seu lugar.
Os haicais deste livro captam instantes, mas esses instantes revelam também, em tempos de GPS, localizações específicas.

Dois exemplos, um do Roberto:

nas dunas de Imbé
corujas olham o mar
noite silenciosa

Outro da Laís:


lago do Parcão
um reflexo perfeito
moinho sem vento

Nosso GPS localiza os dois poetas no Rio Grande do Sul. Um, na praia de Imbé, no litoral gaúcho, com suas dunas de areia na beira da praia. A outra, no Parque Moinhos de
Vento, o Parcão, em Porto Alegre.
Então, esses dois conjuntos de haicais presentes no livro se espelham também nesse
sentido. São dois poetas situados no sul do Brasil, captando um aqui e agora específico. As imagens, bem construídas por ele e por ela, revelam pontos de vistas próprios sobre um entorno que muitas vezes é comum aos dois.
Assim, o haicai, que muitas vezes parece tratar de algo impessoal, como aconselha a frase de Bashô “fale das coisas como elas mesmas falariam se pudessem”, nesse encontro da Laís com o Roberto se recobre de uma deliciosa geografia pessoal.

Ricardo Silvestrin