R$ 30,00
(frete grátis)

 

Título: POEMAS ÁRTICOS
Autor: Vicente Huidobro
tradução de Lucas Krüger e Manuel J.P. dos Santos

Dimensões: 14 x 21 cm
Páginas: 64
Gênero: Poesia
Publicação: Artes & Ecos, 2018

Vicente García-Huidobro Fernandéz (Santiago do Chile, 10 de janeiro de 1893 — Cartagena, 2 de janeiro de 1948), mais conhecido como Vicente Huidobro, foi um poeta de vanguarda muito influente na poesia do século XX. Considerado pelos chilenos como um dos seus maiores poetas na história, Huidobro teve, no entanto, uma carreira internacional, sendo o criador e expoente do Criacionismo, participando do grupo Cabaret Voltaire e sendo essencial para a formação do que há de cosmopolita na lírica de poetas como Federico Garcia Lorca. Apontado como um dos quatro grande poetas do Chile, junto com Neruda, De Rokha e Mistral, Huidobro é, reconhecidamente, o mais inovador de todos e um dos maiores nomes da poesia mundial do século passado. 
Poemas árticos, originalmente publicado em 1918, é o primeiro exemplo de literatura de vanguarda em língua espanhola e, como contém poemas curtos, foi um livro acessível para divulgação da nova estética. Seus poemas foram lidos, estudados e imitados por toda uma geração de jovens espanhóis, como Antonio Machado, que ficaram perturbados pelas imagens extravagantes de Huidobro, enquanto outros, como Gerardo Diego, viram neles uma nova possibilidade poética.