nasceu sob o pálio da prosperidade. honrou deus, pai e mãe. homem feito, albergou fidelidade e bons propósitos. conservou os costumes herdados e enobreceu os adquiridos. registrou posses e firmou títulos. casou filhos, sepultou parentes e pranteou amigos. praticou a justa quota de bondade com os desconhecidos. amealhou amizades e colheu os frutos da inquebrantável constância. com firmeza e denodo, evitou contrariar e interferir demasiado no fluir das coisas e dos fatos. foi militante da harmonia e da imparcialidade: julgando-se aparelhado adequadamente para o imprevisto, deixou a realidade intacta. íntegro e realizado, desceu à terra por antigüidade e merecimento.

................................................

José George Cândido Rolim nasceu em Várzea Alegre, Ceará, em 02 de março de 1965. Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Ceará. Exerce a advocacia. Poesia e prosa publicadas em jornais e revistas no Brasil e no exterior.
Tem publicado os livros:
— Rios de Mim (Fortaleza: Secretaria de Cultura do Estado do Ceará, 1982);
— Arauto (Sabará: Edições Dubolso, 1988);
— Exemplos Alados (Fortaleza: Letra e Música, 1997) e
— Pedra Habitada (Porto Alegre: AGE, 2002).